quarta-feira, 25 de julho de 2018

Cantas bem, mas não me encantas

Muito se tem escrito e falado sobre os planos de solidariedade que Madonna tem levado a implementar num país africano, Malawi. Obras muito meritórias, certamente, e de louvar também será esta sua “caridade”, bem como a adopção de algumas crianças.

Porém, talvez não seja desajustado de todo fazermos uma reflecção sobre o que, eventualmente, poderá estar por detrás de tanto alarido mediático, todos os órgãos de informação exaltam afectividades, felicidades, e carinhos, mas omitem que a estrela Pop, no seu passado recheado de tanta contradição, também teve – tem - ligações à cabala (religião originária do judaísmo).

Madonna é praticante da seita desde os anos 90 e já incorporou vários elementos desta religião ao seu modo de vestir e de se relacionar com o mundo, quando namorou com o modelo brasileiro Jesus Luz, também o levou a aderir.

Estes rasgos tão caridosos, com tanto ruído de ribalta em prol desta senhora cantante, dos seus filhos, etc, não me deixam nada convencido…

Aqui há gato! E todos, em coro, cantam e escrevem bem, mas não me encantam, há que discernir caro leitor, porque esta mise en scène está muito bem montada…

José M.Esteves



Sem comentários:

Enviar um comentário