sábado, 29 de abril de 2017

Francisco “Papa de Paz num Egito de Paz”

O Papa Francisco chegou ao Cairo pouco depois das 14 horas locais

(ZENIT – Cidade do Vaticano, 28 Abr. 2017).- O Papa Francisco deixou o Vaticano na manhã desta sexta-feira e, do aeroporto Leonardo da Vinci, em Fiumicino, partiu para o Egito “como peregrino da paz”, em uma estadia de apenas 27 horas.
Na noite de quinta-feira o Santo Padre foi à Basílica Santa Maria Maior, para confiar sua 18ª viagem apostólica fora da Itália a Virgem “Salus Popoli Romani”.
O Airbus da Alitalia depois de 3’15’’ de voo chegou ao Aeroporto Internacional do Cairo, no Egito, onde deram as primeiras boas-vindas ao Santo Padre o Patriarca copta-católico, Dom Ibrahim Isaac Sidrak, e o Núncio Apostólico no Egito, Dom Bruno Musarò. Francisco é o segundo Papa a ir ao Egito, depois da visita de João Paulo II no 2000.
No Palácio Presidencial em Heliópolis, foi a cerimônia com piquetes de honra e a execução dos hinos do Egito e da Santa Sé. O Presidente da República Abdel-Fattah Al-sisi, recebeu o Pontífice num rápido encontro e troca de presentes.
Depois o Papa foi a Universidade de Al-Azhar a mais conceituada instituição teológica e de instrução religiosa do Islã sunita no mundo, a mais antiga universidade islâmica, com quase 300 mil alunos de todos os países islâmicos matriculados. Aqui teve um encontro com o Reitor da Universidade, que é também o Grão-Imame da Mesquita anexa, Shaykh Ahmad Al-Tayeb e participou com um discurso na Conferência Internacional sobre a Paz.
Depois teve uma reunião com representantes do governo egípcio e os diplomáticos no país, e a continuação teve um encontro com o papa ortodoxo copto Tawadros II de Alexandria na sede do Patriarcado. Depois Francisco e Patriarca fizeram uma oração ecumênica pelas vítimas  do atentado terrorista em dezembro de 2016, quando uma bomba explodiu na capela de São Pedro e deixou 29 mortos.
O primeiro dia da viagem se encerra às 20:30, horário local, com a chegada do Pontífice à Nunciatura, onde foi acolhido por um grupo de crianças da Escola Comboniana do Cairo.

in



Sem comentários:

Enviar um comentário