quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Queremos que Cristo reine


“Nunca vos arrependereis de tê-Lo amado”. O Senhor é bom pagador já nesta vida quando somos fiéis. Que será no Céu! Agora temos que propagar o reinado de Cristo na terra, no meio da sociedade em que nos movemos; sentir-nos permanentemente responsáveis por dilatá-lo no ambiente em que nos desenvolvemos, a começar pela família: “ Não abandoneis os vossos pequenos; contribuí para a salvação do vosso lar com todo o esmero”, aconselhava vivamente Santo Agostinho.

Regnare Christum volumus – Queremos que Cristo reine, em primeiro lugar no íntimo do nosso ser, na nossa inteligência, na nossa vontade, nas nossas famílias, em toda a sociedade e pelo mundo além, porque a vida é um tempo para fazer frutificar os bens divinos, aqueles que não perecem.

Ele é o Alfa e o Omega, o primeiro e o último, o princípio e o fim. Só n´Ele os nossos afazeres aqui na terra encontram o seu sentido, por isso queremos que Ele reine sobre nós, Ele que é o autor do universo e de cada uma das criaturas. Veio para os seus, mas não se impôs com atitudes de poder, nasceu numas pobres palhinhas e pede-nos migalhas de amor.

O mundo de então ansiava por Ele, mas na estalagem não havia lugar, o mundo de hoje procura desesperadamente a salvação, sejamos obreiros, mensageiros e portadores da Boa-Nova – o Céu anunciou o nascimento da Estrela que nos guia, o Nosso Salvador, o Caminho, a Verdade e a Vida.

Neste Santo Natal de 2016 abramos as portas do nosso coração ao Menino Deus e embevecidos como Maria e José, contemplemo-Lo com olhos de Amor e desejos de Paz na Terra.

Suzana Maria de Jesus


Sem comentários:

Enviar um comentário